10 motivos para conhecer a Normandia

postado em: Viagens | 1

Repleta de história, queijos e paisagens surpreendentes, a Normandia é daquele lugares que surpreendem pelo simples fato de não estar listada entre os top 5 lugares para se conhecer na França. Muito além do carro-chefe turístico, o Monte Saint Michel, a região surpreende pela mistura entre o rural e o urbano, o tradicional e o moderno.  Acentuados pelo mistério das brumas que invade ruas e pastagens a cada dia.

A menos de três horas de Paris, passando pela inesquecível Giverny (que vale um post só seu), as terras do Camembert, da grife Chanel e do impressionismo, também reservam pesadas marcas de guerra em Les Havre e Omaha, como que para reforçar a leveza instalada nas ruas de Deauville. Ou a força da natureza vista em Etretat.

Para  aproveitar melhor, vá de carro, e deixe-se perder pelas estradinhas secundárias que ligam cidades e vilarejos. Pare nas fazendas, prove tudo que puder (de manteiga –  sério, você não vai se arrepender – a cidras) e mergulhe nas histórias contadas pelos locais.Entre março e setembro é a melhor época.

Veja abaixo 10 imagens da Normandia que vão te convencer a passar ao menos um fim de semana na região.

Etretat. Foto: Juliana Bianchi
1- As falésias de Etretat pedem várias pausas para um piquenique. Foto: Juliana Bianchi
Monte São Michel. Foto: Juliana Bianchi
2- Cartão-postal da Normandia, o Monte São Michel pode decepcionar se você não for com a maré alta. Fique atento à tábua das marés. Foto: Juliana Bianchi
A arquitetura de Les Halles. Foto: Juliana Bianchi
3- A arquitetura de Les Havres conta a história da reconstrução da França após a guerra. E ainda traz um Niemayer de “brinde”. Foto: Juliana Bianchi
A luz do amanhecer em toda a região, especialmente em Honfleur, onde o rio Sena deságua no mar. Foto: Juliana Bianchi
4- A luz do amanhecer em toda a região, especialmente em Honfleur, onde o rio Sena deságua no mar vale sair da cama mais cedo. Foto: Juliana Bianchi
1- Omaha, a praia mais conhecida entre as que serviram para o desembarque das tropas americanas durante a Segunda Guerra. Ali perto está o cemitério americano. Foto: Juliana Bianchi
5- A triste beleza de Omaha, a praia mais conhecida entre as que serviram para o desembarque das tropas americanas durante a Segunda Guerra. Ali perto está o cemitério americano. Foto: Juliana Bianchi
O glamour dos anos 30 ainda existente nas ruas e decks de Deauville. Foto: Juliana Bianchi
6- O glamour dos anos 30 ainda existente nas ruas e decks de Deauville, onde Coco Chanel abriu sua primeira loja e os parisienses ainda vão para ver e serem vistos. Foto: Juliana Bianchi
A infinidade de queijos incríveis criados na região. Foto: Juliana Bianchi
7- A infinidade de queijos produzidos na região é de deixar zonzo. Vá com disposição. Foto: Juliana Bianchi
As plantações de maçã colorindo todos os cantos e  gerando cidras sensacionais. Foto: Juliana Bianchi
8- As plantações de maçã colorindo todos os cantos e gerando cidras sensacionais são atração extra no segundo semestre. Foto: Juliana Bianchi
Se você nunca provou escargot, precisa começar  com os saborosos petit gris da região. Foto: Juliana Bianchi
9- Se você nunca provou escargot, precisa começar com os saborosos petit gris da região. Foto: Juliana Bianchi
Conhecer de perto todos o processo de fabricação do licor Benedictine, na cidade de Fecamp. Foto: Juliana Bianchi
10- Em Fecamp dá para conhecer de perto todos o processo de fabricação do licor Bénédictine. Foto: Juliana Bianchi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *