Chocolate com vinho

postado em: Gourmet | 0

Pouco explorada, a combinação de chocolate e vinho pode ir muito além do bom e velho Porto. É isso que a publicitária Mariana Triveloni quer provar (e popularizar) com a inauguração da chocolaterie Chianti, que já nasce com uma carta de harmonizações possíveis à disposição dos clientes.

dfsd
Bombom de laranja e mel é a dica da Chianti para comer com espumante Moscatel

Entre as indicações feitas pelo sommelier Sandro Sarbach estão o bombom de chocolate branco com morango e pimenta rosa, a ser degustado com uma tacinha de Moscatel (R$ 15), a barrinha de chocolate amargo, com 71% de cacau, com Malbec (R$ 17), e os bombons de cardamomo (Mago) ou maracujá (Calmaria) com o Muscat Late Harvest Tabali  (R$ 17). A casa ainda serve cafés e bebidinhas, como o Chai Latte, que também podem ser devidamente combinadas. (A indicação para o Chai é o bombom de gengibre.)

Os produtos com chocolate belga Barry Callebaut não são feitos na casa, mas elaborados com exclusividade por chocolatiers selecionados, que já estão trabalhando nas próximas coleções de inverno (com flor de sal) e primavera (com toques florais). Também é possível comprar só os bombons (R$ 4), mas aí você perde a parte mais legal da brincadeira.

Aconchegante e com wi-fi grátis, a chocolaterie é uma boa pedida para reuniões
Aconchegante e com wi-fi grátis, a chocolaterie é uma boa pedida para reuniões

Boa pedida de lugar para marcar pequenas reuniões ou encontrar um presente diferenciado para quem já tem de tudo. A caixa “chocommelier” com 12 bombons e meia garrafa de vinho Moscatel ou Porto sai R$ 90.

Leia também sobre o novo chocolate de cupuaçu

Serviço: 
Chianti Chocommelier
Rua Mateus Grou, 40, Pinheiros
Tel: (11) 2338-4000

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *