Gastronomia é destaque na rota do vinho de São Roque

postado em: Viagens | 2

De 10 de outubro a 2 de novembro acontece a festa da alcachofra de São Roque. Ótima desculpa para aproveitar o fim de semana para fazer um bate-e-volta na cidade turística a menos de uma hora de São Paulo. Nesse período, é possível comer alcachofra de tudo quanto é forma no recinto da exposição anual. Tem pastel de alcachofra, massa recheada com alcachofra, alcachofra gratinada… Uma verdadeira overdose.

A temporada de alcachofra é  desculpa perfeita para sair rolando de tanto comer (não beber) pelo roteiro do vinho de São Roque
A temporada de alcachofra é desculpa perfeita para sair rolando de tanto comer (não beber) pelo roteiro do vinho de São Roque. Foto: Juliana Bianchi

O evento também festeja o vinho, que um dia fez a fama da cidade. Mas, acredite, você não vai querer ir até lá só por causa dele (ok,  nesse momento acabo de ser deserdada e perder alguns amigos). Ainda assim, percorrer a simpática rota esverdeada que liga uma vinícola a outra é dos melhores passeios que se pode fazer.

Está com desejo de camarão VG frito no meio do mato? Tem no escodidinho Sabores do Mar, onde uma piscina faz as vezes de lagoa para os gansos. Quer um leitãozinho no melhor estilo português? Vá à Vila Don Patto. Bolinho de bacalhau? Pare na Quinta do Olivardo pra matar a vontade.

Mesmo longe do mar, a porção de camarão é gigante e superbem feita no restaurante Sabores do Mar. Foto: Juliana Bianchi
Mesmo longe do mar, a porção de camarão é gigante e superbem feita no restaurante Sabores do Mar. Foto: Juliana Bianchi

Queijo da Serra da Estrela? Saia da rota principal até chegar na loja de importados Gourmet Ibérico, onde também se pode comer sardinhas na brasa ou alheira vinda da terrinha. Ali pertinho, faça um pit stop na fazenda de alcachofras Bonsucesso e leve algumas unidades fresquinhas (ou em conserva) para casa.

Um pouco mais para frente, ao lado da imponente estrutura da vinícola Góes, você encontra a Cantina Tia Lina. Lugar perfeito para aquela macarronada de domingo, acompanhada por um galeto recheado.

Coelhinhos fazem a alegria de crianças e adultos na Fazendinha Santa Adélia
Coelhinhos fazem a alegria de crianças e adultos na Fazendinha Santa Adélia. Foto: Ju Bianchi

Está com crianças? Não deixe de passar na Fazendinha Santa Adélia (passando a linha férrea). Com parquinho, bichinhos e espaço livre suficiente pra criançada gastar toda a energia, o lugar ainda tem pastel, caldo de cana fresquinho e compotas pra levar para casa.

Ah, a cidade ainda tem o Ski Mountain Park, com uma pista de esqui feita com pinos de plástico. Acaba sendo uma atração divertida de tão bizarra. Vale tentar, mas a entrada é paga.

2 Responses

  1. José Eduardo Ramos

    Estão de parabéns, irei nesta festa da gastronomia. Poderia passar algumas receita com o alcachofra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *