Goiabada para morrer de amores

postado em: Gourmet | 0
Um dos itens "extraviados" de Luiza Barcelos
Um dos itens “extraviados” de Luiza Barcelos

A marca mineira de acessórios Luiza Barcelos está prestes a abrir sua primeira loja em São Paulo, mais exatamente no shopping JK Iguatemi, e para promover o feito criou uma campanha superbacana junto à imprensa e formadores de opinião.

Desde a semana passada venho recebendo, quase diariamente, peças vinculadas à história e trabalho da marca em saquinhos devidamente etiquetados, como se fossem itens extraviados nessa ponte aérea e que precisam da nossa ajuda para serem recuperados. Superdivertido.

Já chegou de nécessaire a guarda-chuva (pra se preparar para a “Terra da Garoa”), mas o mais bacana mesmo, que me fez cair de amores de vez pela marca foi a lata de goiabada mole feita pela Fazenda Querença. Macia, delicada e no ponto exato de açúcar, me fez pular uma refeição inteira pra aproveitar mais seu sabor (devidamente acompanhada por queijo cottage, pra aliviar o peso na consciência, claro).

goiabada
A goiabada mole da Fazenda Quereça sendo preparada

Com medo de não poder repetir a dose, fui atrás de informações. Pois trata-se de uma produção ainda artesanal, feita em tacho de cobre e fogão a lenha na cidade de Inahúma, interior de Minas Gerais, com goiabas cultivadas na própria fazenda, onde o forte é a criação de gado. Velha conhecida entre os chefs, pode ser encomendada pelo site também na forma de geleia, cascão e compota. Pronto, já fiquei mais tranquila. Quem sabe daqui pra frente não peço ajuda para própria Luiza para “recuperar” umas latas perdidas em BH?

A lata que eu recebi, já pela metade. Sorry. Não deu pra resistir
A lata que eu recebi, já pela metade. Sorry. Não deu pra resistir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *