Sorvetes italianos chegam ao bairro da Pompeia

postado em: Gourmet | 3

Não sei se pela identificação com o nome do bairro ou por simples coincidência mesmo, mas o fato é que neste mês o bairro da Pompeia, na Zona Oeste de São Paulo, ganhou quase ao mesmo tempo não uma, mas duas sorveterias italianas. Sorte dos vizinhos, que até então tinham que correr para a Vila Madalena ou os Jardins para tomar um gelato digno das calorias.

Vitrine de sorvetes da Duetto. Textura e sabores dignos da caloria
Vitrine de sorvetes da Duetto. Textura e sabores dignos da caloria. Foto: Juliana Bianchi

A primeira a abrir foi a Duetto Gelato Italiano, na rua Desembargador do Vale, quase esquina com a Caraibas. Com decoração estilo Bacio di Latte, que combina revestimentos brancos e madeira, a loja tocada por um casal vindo do Norte da Itália não decepciona na textura macia e sabores. Pontos para o de pistache, feito com produto vindo de Bronte (região da Sicília), cheesecake, café e torta de maçã com canela.

Fachada da loja no burburinho da rua Desembargador do Vale e detalhe interno da loja
Fachada da loja no burburinho da rua Desembargador do Vale e detalhe interno da loja. Foto: Juliana Bianchi

Mais recentemente foi a vez da Primo Amore, na rua Barão do Bananal, tocada pelo sorveteiro Fabio Puddu. Sem qualquer parente no Brasil, ele e a mulher chegaram há oito meses no País com a cara, a coragem e todas as receitas de gelato que já fazia na região italiana de Pádova. “Comecei a produzir sorvete há mais de 30 anos para garantir que poderia tomar todos os dias”, disse ele, segurando um copinho cheio, durante minha primeira visita à loja. Além das casquinhas, Puddu quer também conquistar os brasileiros com bolos e sanduíches gelados, que muito em breve estarão recheando as vitrines.

Sorvete de amarena, com ingredientes trazidos da Itália, da Primo Amore. Foto: Juliana Bianchi
Sorvete de amarena, com ingredientes trazidos da Itália, da Primo Amore. Foto: Juliana Bianchi

O copinho pequeno sai R$ 9 em ambas as casas. O médio, R$ 11 na Duetto e R$ 12 na Primo Amore, e o grande, R$ 13 e R$ 15, respectivamente.

Serviço:
Duetto Gelato Italiano
R. Desembargador do Vale, 179

Gelateria Primo Amore
R. Barão do Bananal, 966

 

3 Responses

  1. Fausto

    Conheci o Fabio Puddu e esposa no Ristorante Bottarga ,no Tatuapé , de
    nosso amigo Marco ( ambos da Sardegna – Italia ) Parabéns ao casal pela inauguração da Primo Amore .

  2. Alessandra

    Realmente, o bairro da Pompéia merecia uma geladeira nesse nível. O ambiente da Gelateria Primo Amore é super aconchegante, alegre e repleto de fotos lindas da Itália! Os sorvetes são leves e com um sabor muito diferenciado…. Os de fruta parecem a própria fruta… Uma delícia… Embora meu preferido seja o de chocolate meio-amargo!

  3. Eliana Eli

    A Sorveteria Duetto é linda e aconchegante; os donos e funcionarios são muitos simpáticos e os sorvetes maravilhosos e saborosos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *